COSTA BRANCA FM 104,3 AO VIVO

quarta-feira, 13 de abril de 2016
Lembranças de 2012
O eventual afastamento da presidente Dilma Rousseff, por processo de impeachment, interessa, em cheio, ao governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, do PSD. O seu grupo político não assume a condição pró-impeachment, mas faz restrições a Dilma. O deputado federal Fábio Faria, filho do governador, atesta que Dilma perdeu a governabilidade. A saída de Dilma e do PO do Poder interessa ao PSD potiguar. Por uma razão política simples...as eleições estaduais de 2018. Na batalha pela reeleição, Robinson Faria teria de enfrentar, muito provavelmente, a senadora Fátima Bezerra, do PT. Fátima já rompeu com Robinson, embora o PT ainda dê apoio político ao governador. Com o impeachment de Dilma, a eventual candidatura de Fátima Bezerra perde consistência político-eleitoral, elevando a possibilidade de reeleição do governador. Ele sabe disso. O seu partido também. Assim a decisão de hoje do PSD, de deixar a base de apoio a Dilma, passa pelos interesses do partido nos Estados, e o RN está definitivamente incluindo neste contexto.                     

Top

Usuarios Online