segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

O Festival de Música na Terra do Sal online iniciado na sexta-feira, 11, homenageou artistas locais que se destacaram na música ao longo de sua carreira. Cada dia tem um destaque central e outras homenagens. Na primeira noite do festival, o destaque foi o saudoso Carlos Santeiro, o famoso Negruta. Interprete areia-branquense que se destacou no cenário musical do Rio Grande do Norte e participante de diversas bandas locais. Os filhos Monique Carla e Francisco Antônio receberam a Comenda Ecos da Terra do Sal. Os artistas Helly Medeiros e Raimundão, também homenageados da noite, antes de receberem a comenda realizaram ao vivo uma espécie de tributo a Negruta. Www.costabrancanews.com

O cantor e compositor Helitônio Medeiros (Helly) iniciou a carreira em 1980 quando ficou em segundo lugar no Concurso Estadual realizado em Mossoró. É autor várias músicas e atualmente faz parte da Roda de Samba Sambloco. Raimundo Nonato (Raimundão) iniciou carreira na década de 60 ao conquistar a segunda colocação no Festival de Bandas de Mossoró. Fez parte da Banda Alpha Centauro onde tocou ao lado do homenageado central da noite, Carlos Negruta, para quem compôs a música “Valeu, Negruta”. Atualmente toca nos grupos e pastorais da igreja católica e integra o Projeto Pôr do Sol.

Outra homenageada pelos 50 anos de carreira foi a cantora Amanda Costa, que iniciou carreira na adolescência cantando em eventos e festivais. Ganhou o Troféu Sabiá ao vencer o concurso A Mais Bela Voz da Rádio Rural de Mossoró. Amanda Costa já se apresentou em Salvador (BA) e também no extinto programa de calouros de Jota Silvestre, exibido pelo SBT, onde ficou em segundo lugar.

Sara Fracchia, viúva de Tico da Costa, recebeu do presidente da Fundação de Cultura, Abner Souza, a comenda homenageando o talentoso artista areia-branquense. O cantor Lieberth Rodrigues (E) foi o apresentador da noite

Músico dos bons, Jimmy Hodney (centro) foi o outro homenageado da noite


.

Top

Usuarios Online