terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Graças ao incentivo da Lei Aldir Blanc de apoio a cultura, a cantora e compositora areia-branquense, Fernanda Azevedo, vai realizar mais um sonho, este especial para a artista: irá lançar seu primeiro álbum todo com músicas autorais. A boa notícia vem sendo difundida pela própria Fernanda Azevedo por meio dos diversos canais de comunicação, com ênfase para a divulgação nas redes sociais.

A euforia da cantora com o seu primeiro EP que se chama “Bondade”, tem motivo.  Há anos ela vinha tentando gravar um disco e não conseguia. “Já fiz vaquinha na internet, já busquei patrocínio, mas eu nunca conseguia o suficiente para um álbum. E assim fui lançando uma música aqui, outra acolá, não menos especiais. Foram muito importantes. Mas agora, com recursos da Lei Aldir Blanc finalmente irei lançar meu primeiro álbum todo com músicas autorais, sendo duas em parceria, uma com André da Mata e outra com Galvão Filho”, contou Fernanda Azevedo em suas redes sociais. Depois de muitas batalhas e agora com motivos para comemorar, Fernanda Azevedo, que deu os primeiros passos para a carreira de sucesso cantando na igreja (é católica praticante) acha que realmente as coisas acontecem no momento certo. Segundo ela, “esse novo trabalho trata-se de um álbum leve e cheio de belas mensagens que traduz um pouco da minha maturidade enquanto pessoa e musical”. “Eu espero, de todo meu coração, que vocês gostem, afinal todos esses trabalhos são feitos pra vocês. Esse é o sentido de fazer música nesse mundo”, completa, com a sensibilidade que lhe é peculiar. Esse projeto musical, segundo a cantora, foi realizado com recursos da Lei Aldir Blanc Rio Grande do Norte, por meio da Fundação José Augusto, Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal. Www.costabrancanews.com



.

Top

Usuarios Online